• Especialista dá dicas para ocupar as crianças nas férias

    Especialista dá dicas para ocupar as crianças nas férias


    Abusar da imaginação para estimular a criatividade dos pequenos é essencial para que aproveitem bem o período de recesso escolar

    Durante o período de férias os pais precisam se desdobrar com a criançada em casa, especialmente se falamos das menores, que dependem de um acompanhamento mais próximo. Estas, assim como as maiores, também passam cada vez mais tempo dedicadas a jogos eletrônicos, em geral de cores fortes, o que pode ser prejudicial para seu desenvolvimento psicomotor, de acordo com a professora e especialista em educação infantil da Estácio, Emanuelle Justino dos Santos. É importante, segundo ela, que os responsáveis, durante o tempo em que a criança fica em casa, consigam desenvolver suas habilidades com outras atividades.

    A professora sugere que os pais fiquem atentos às brincadeiras dos filhos, para que possam interagir dentro do universo deles. "A partir dessa observação, eles podem entrar na brincadeira e também ensinar os jogos que gostavam na infância. Desse jeito, eles criam uma conexão e permite que os filhos conheçam mais sobre os pais", explica a professora.

    Para aliviar o bolso dos adultos, e de quebra, estimular a imaginação e a consciência ambietal nos pequenos, a educadora indica aos pais realizar oficinas de reciclagem, reutilizando materiais que iriam para o lixo, como garrafas pet, tampinhas, caixas de papelão e deixar a imaginação tomar conta, transformando aqueles apetrechos em aviões, jogo de damas e o que mais a imaginação mandar.

    "Devemos lembrar também de incluir atividades que promovam a socialização e façam com o que a garotada se movimente, saindo um pouco do contato indivíduo-tela. Brincadeiras como pique-esconde, pega-pega e suas variações são divertidas e estimulam a atividade física, além da vantagem de que todos podem participar", recomenda Emanuelle.
  • Fale conosco

    Para entrar em contato com o Humaniza Mundo envie-nos e-mail para: humanizamundo@gmail.com ou clique ao lado para obter informações e suporte.